17 de jun de 2010

Hai-Kais de Alcova

01. Que se faça jus, / Pra feia ser bonita / Apague a luz!


02. Isso é traição! / O marido nos pegar / De calças na mão.


03. Tempo não poupa, / Elas hoje preferem / Nos ver de roupa.


04. Marido rico / Vive mijando fora / Do seu penico.


05. O “Capenga”, zás! / Mas ao chegar na frente / O gozo era atrás.


06. Fantasie, enfim, / Faça com seu marido... / Pensando em mim.