30 de jun de 2010

Índio, o Príncipe

Reprodução/iG
Já de malas prontas para Port Elizabeth, viajando pela internet o Garanhão de Pelotas conhece o democrata escalado para se aninhar como vice na chapa do tucano Zé Serra. Mostra a imagem do advogado carioca, ex-bandleader Índio da Costa para o seu trio de fiéis seguidoras. Elas, sem conter a emoção, vão exclamando encantadas:

- Oba, até que enfim, surge alguém bonito nessa eleição para o Palácio... - diz a ruiva.
- É lindo! Mais bonito que o Aécio! - grita a Loira.
- Esse Índio é um príncipe! - não se controla a morena jambo.
Sem esconder uma pontinha de ciúme, o Garanhão de Pelotas, completa entredentes:
- Espero que não seja um boca-aberta!

A Caixinha...

Com dois dias para relaxar e gozar, o Garanhão de Pelotas, fica na boa lá por Joanesburgo e se esbalda em conjeturas. Da sacada de sua suíte presidencial lança seu olhar verde-amarelo sobre mais um amanhecer da África do Sul e fica pensando coisas:

- Então, estamos assim na Copa Jabulani: oito seleções disputando beleza para formar o grupo das quatro melhores do mundo. Dessas oito, três são azarões: Gana, Paraguai e Uruguai. As outras cinco, metidas a besta são Alemanha, Argentina, Brasil, Espanha e Holanda, por ordem alfabética.

Suas divagações vão em frente:

- Dessas cinco, uma já sabe que está fora, mas não diz. Assim é que, na pior das hipóteses, o time de Dunga pode ter garantido desde já o título de quinta melhor seleção do mundo em 2010. Mas, pode piorar. Basta que os azarões se revoltem e todas as previsões acabem no brejo.

Em um caso desses, até mesmo a portentosa equipe de Gana, pode botar a mão na taça. E quem sabe, então, até a famiglia Dunga seja campeã do mundo.

É quando chega a hora do Garanhão concluir seus pensamentos. E o faz com uma frase de efeito que acaba de criar: - O futebol é uma caixinha de surpresa.

MORAL DA HISTÓRIA - A modelo Larissa Riquelme, essa aí do celular no peito, pode decepcionar os aficcionados de todo o planeta, ao cumprir a promessa de ficar nua se o Paraguai for campeão do mundo. Ninguém sabe o que há de silicone por baixo dos panos dessa, digamos, peituda torcedora guarani. Já no caso de não dar zebra lá na África, quem vai ficar nu é o Maradona. Pelo amor de todos os deuses do futebol, que Dunga não se atreva!

29 de jun de 2010

Quê Paraguai quê nada!

Fotos:Jorge Adorno/Reuters
Se você não sabe, o Garanhão de Pelotas conta: essa é Larissa Riquelme, torcedora paraguaia. Só o celular pode ser falso. Adivinhe para quem ela telefonou, no fim da prorrogação do jogo contra o Japão?!?
Veja Larissa vibrando depois de saber pelo Garanhão de Pelotas quem venceria a disputa de pênaltis. Aquela pontinha ao lado do celular é de inveja. Nada mais que isso. O resto é pura imaginação. Sim, sim, a garota loira não tem telefone. Mas confesse, você nem tinha notado a falta que faz um telefone numa hora dessas. O fotógrafo é da Reuters - seu nome é Jorge Adorno. E nem poderia se chamar diferente. 

Dia de Fúria

Foto: Carlos Cardenas/EFE
David Villa comemora o gol que o juiz e o bandeirinha deram para a Espanha liquidar a seleção de Portugal. Mais uma grande vitória de Dunga na África. Os portugueses seriam um osso bem mais duro de roer.  Mas Portugal jogou seu fado triste uma oitava abaixo. Parece que não sabia que todo dia é dia de fúria nas arbitragens da Copa Jabulani. Ah, só uma coisinha mais: time espanhol sem Lionel Messi não joga nada.

Japão 3 x 5 Paraguai

01. Só não vê quem não quer: entre a defesa e o ataque do Paraguai, todo mundo prefere escalar um Johnnie Walker da Foz do Iguaçu.

02. O Japão provou o que todo mundo já sabia: a campanha do Paraguai tinha algo de falso.

03. O goleiro japonês é um camicase: cada voo seu é um perigo mortal.

04. Bastou aos japoneses abrir os olhos para ver que o futebol do Paraguai não é legítimo.

05. Bom jogador aquele tal de Honda. Vai sair da África na crista dele mesmo.

06. Japoneses e paraguaios gostaram tanto do que não fizeram em campo no tempo regulamentar que resolveram jogar mais trinta minutos. A prorrogação serviu apenas apenas para provar que a pobreza do seu futebol é de nascença. É impressionante como eles não precisam fazer força nenhuma para não jogar absolutamente nada.

07. A frieza do japonês na hora dos pênaltis não foi nada de anormal. Tratava-se apenas de um caso típico de pé-frio. Pronto, tem guaranis nas quartas-de-final.

Tirou o sofá

A Fifa mostrou que é mesmo uma fábrica de sapiência e de bom senso. Como são gritantes e reiterados os erros grosseiros dos árbitros, ela acaba de proibir o replay dos lances polêmicos nos telões dos estádios. Apenas repete o marido traído. Para se livrar dos chifres mandou tirar o sofá da sala.

O Garanhão já está em Port Elizabeth & o goleiro é culpado...

A bordo de seu eventual Chrysler 2010 conversível, já na auto-estrada que leva ao Poseidon Lodge - a melhor pousada de Port Elizabeth, uma cidade que só tem hotéis quatro estrelas, o Garanhão de Pelotas ignora a algaravia de suas três secretárias executivíssimas e lamenta consigo mesmo como é dura a vida de um correspondente esportivo internacional.

O que é que a Fifa tinha que inventar um jogo mata-mata da seleção do Dunga contra a Holanda, num estádio chamado Nelson Mandela Bay, numa cidade dessas, em que a gente tem que se hospedar numa pousada com vista sobre o Oceano Índico e entrada para uma praia privada... E logo numa sexta-feira?!? Parece que bebem.

Mal chega, acomoda-se em uma das mesas à beira da piscina e descarta as suas três ninfas rumo ao Scenarium, para que vejam os golfinhos a saltar no mar, enquanto ele repuxa suas atenções para o jogo dos amestrados dungosos contra a Laranja Mecânica.

O primeiro grande susto da manhã que se despedia para dar lugar à hora do almoço, é que não era um susto, eram dois: primeiro, Elano está recuperado e deve voltar ao time; segundo, Felipe Melo também e, com o Ramires amarelado, tem retorno garantido ao meio de campo mais destrambelhado da Copa Jabulani.

É lendo os jornais brasileiros que caem de paraqueda no Poseidon Lodge, de Port Elizabeth, sede de mais uma paupérrima exibição das camisas do Dunga e os palpites de um Jorginho, que o nosso herói acha tudo muito chato e se volta para as páginas da política.

Como é tudo a mesmice de sempre, salta para o caderno de polícia. E pronto! Lá estava de novo o futebol na maior embolação: o goleiro Bruno, acusado de dar sumiço numa garota em que fez um filho, foi dispensado pelo Flamengo, até que se desenrede das malhas da lei.

Quer dizer, para a diretoria do Flamengo Bruno é culpado até prova em contrário. Logo o Flamengo que sempre botou a culpa nos zagueiros, agora dedurou o goleiro. O pior é que tudo leva a crer que o clube está com a razão. Bruno, o que engole frango vai ter que ir comendo essa massinha.

Entre uma página e outra, lê nas entrelinhas que assim que a Copa do Mundo chegue ao fim, seja qual for o resultado, a dupla Batman e Robin da CBF perde o trono para Leonardo, aquele que até bem pouco foi treinador do Milan. Aí sim, Ronaldinho Gaúcho será convocado para 2014. De bengala e tudo, vai ser titular absoluto.

Enfastiado com o noticiário, o Garanhão de Pelotas devolve os jornais à biblioteca Poseidon, resolve tomar um rápido banho de sol e só então dirige-se aos seus aposentos para o seu tradicional banho de espuma, com sais e flores regionais.

As meninas chegam a tempo para a tradicional sessão de massagem, seu "aquecimento" preferido para abrir o apetite insaciável. A mais moreninha desocupa-se e vai ao interfone encomendar o almoço: bife acebolado com carne de avestruz. Bem leve, com apenas uma colherinha de sal, um fio de azeite grego, um cebola cortada em tiras, maionese com respingos de limão, quatro colheres de vinho tinto africano de uva chiraz e meia colher das de chá de Curry. Se não tiver salsinha, dispensem o coentro, por favor.

O pedido foi feito para quatro pessoas. Quatro porções de filés de 500 gramas cada um e um simples e moderníssimo arroz branco para acompanhar. E um bom Meerlust Rubicon 2003, é evidente. Afinal, o que é um vinhozinho de R$ 250 para quem recebe uma diária de 700 Euros aqui do blog?!? Mais pobre que isso, só as camisas do Dunga.

A partir do momento em que a garota desligou o intercomunicador com a Copa que mais agrada ao nosso correspondente, o Garanhão sabia que tinha apenas trinta minutos para, antes de vestir-se fazer alguma coisa com aquelas três patetas que o cercavam e ainda chegar a tempo de ver o garçom aproximar-se com o almoço bem ao ponto de temperatura e sabor para ser deglutido.  

O Garanhão de Pelotas, já a caminho do restaurante reiterou sua convicção de que qualquer uma das três secretárias tinha tudo para ser presidente de qualquer República, inspirou-se com o clima de Porth Elisabeth e suspirou fundo:

- Como é dura essa vida de correspondente esportivo aqui na África! Ah, que saudade do estádio Bento Freitas, lá na minha terra - aquela pátria pequena que eu tenho no Sul!

28 de jun de 2010

Nem Ganso, nem Pato com Laranja

O Garanhão de Pelotas deixou o estádio Ellis Park absolutamente convencido de que o melhor nessa vitória de 3 a 0 contra o Chile é que o treinador deles é argentino.

Até gostou do desempenho dos brasileiros, mas continua emburrado com Dunga: - Custava alguma coisa ele ter trazido Ronaldinho Gaúcho, Neymar, Pato e Ganso para a Copa Jabulani?!?

E, sem tirar Ronaldinho da cabeça, vai se dirigindo para um jantar a luz de velas com suas três secretárias, exímias executivas, enquanto se pergunta assim como quem pergunta para o jornalista Jesus Afonso, seu correspondente no Brasil: - Só aí no time da sua cidade, quantos josués, felipesmelos e juliosbaptistas você conhece?

Seu mau humor tem razão de ser: afinal, Dunga ganhou mais uma... Agora mesmo é que vai pensar que entende de futebol.

E entrou no hotel, doido para tomar um banho de espuma, queimando os miolos: - O Chile é uma bosta, por isso que aquele som das vuvuzelas parecia a zoeira de um mosqueiro na volta do campo.

O Garanhão acha que a vuvuzela é a mais ridícula e pobre invenção que uma Copa de terceiro mundo pode inventar: - Aquilo não tem graça, não emite uma nota musical sequer, não serve pra nada e ainda soa como se fosse abelha africana. É bem como disse aquele brutamontes verdeamarelo que estava nas cadeiras logo abaixo do meu camarote: "Vuvuzela é como bronha, só quem a está tocando é que acha graça".

Já refeito pelos sais e pela massagem tripla a que se submeteu, o Garanhão de Pelotas concluiu de si para si: - Agora sim, Dunga provou para sempre que o futebol brasileiro pode se dar ao luxo e ao desplante de ter um Dunga como técnico.

E foi pensando pelo corredor, ladeado por suas fiéis seguidoras, que o jogo contra o Chile confirmou mais uma verdade incontestável: entre Felipe Melo e Ramires, o melhor é Ronaldinho Gaúcho. Claro, as raízes dos Pampas, deixam fortes sinais nesse tipo de conjetura do nosso notável morador do Palácio de Garanhuns.

Ao entrar com suas parceiras de copa, mesa, cama e banho na limunise, rumo ao restaurante Moyo, em Melrose Arch, recebeu a informação de que sua encomenda já estava sendo preparada: cordeiro marroquino com molho de tomate e menta; pastéis de bacalhau de Moçambique e sopa nigeriana com camarão, leite de coco e amendoim.

Ao acomodar-se no carro, desasnuviou o cenho e deu um chega pra lá na impressão de que Robinho contra o Chile nem parecia aquele mesmo Robinho do Santos: - Fez o gol e não dançou nem nada...

Deu de ombros, acercou-se das secretárias e antes de uma leve troca de nobres e generosos afagos ainda lamentou: - Pena que contra a Holanda não vamos ter Ganso nem Pato com laranja.

Holanda 2 a 1 Eslováquia

Pronto! A Eslováquia levou duas laranjadas e foi para casa. Antes, porém, deu uma voltinha no carrocel holandês. Para quem foi se divertir na África, missão cumprida.

Dia de Bola

Os dois erros de arbitragem na rodada de ontem acabaram mata-matando de vez Inglaterra e México. Um foi gol e o juiz não deu; outro não foi e valeu.

Aí, o mundo veio abaixo para os que defendem o uso da tecnologia no futebol. Querem replay para desfazer a decisão do árbitro.

Na verdade, querem arrancar as raízes que dão vida e graça ao futebol. Quero ver a tecnologia sendo usada nas competições mais pobres, nas peladas de rua, no pátio da escola, nos rachas do campinho da esquina - onde nasceram e nascem os grandes craques do futebol mundial.

Quero ver a tecnologia nos campeonatos de segunda divisão, no jogo de casados e solteiros, no quebra-canela de rua... Isso é discriminar o esporte. É dar à elite o que o povo nunca precisou ter para fazer do Brasil o país do futebol. Ao defender a plastificação eletrônica estão querendo é acabar com a alegria e a emoção no futebol - um dos mais ágeis e saudáveis fatores de inserção social.

Ah, sim... Logo mais a seleção do Dunga vai para o mata-mata contra o Chile. Às 15h30 - tempo de Brasília - o Brasil pára. O que não é novidade no Distrito Federal - sede do governo brasileiro.

Enganadores

Talvez pela pressão de estar dividido entre o sentimento de não torcer pelo futebol do time de Dunga e também não querer a vitória do Chile, o Garanhão de Pelotas hoje levantou de cara amarrada e espírito armado até os dentes.

Já chegou no saguão do breakfast do Sandton Hilton meio de faca na bota. Deixou que a mais loira de suas três secretárias fosse ao bufê e lhe trouxesse o quebra-jejum. Pegou um jornal brasileiro, desses grandes que levaram para a África uma chusma de repórteres-torcedores e se fixou nos parágrafos referentes às táticas e estratégias de jogo.

Não lucrou nada. Só falavam dos técnicos que ficaram no Brasil, "enquanto Dunga e Maradona estavam se deliciando no país de Nelson Mandela".

O Garanhão subiu nas tamancas. Deixou a leitura de mão e enviou sua matéria matinal para a rede de rádio, TV, jornais e revistas que o garante como seu correspondente esportivo:

Dunga e Maradona, dois neófitos como treinadores - ambos com passado de boleiros e cheiro de vestiário - estão provando até aqui uma verdade que a mídia interesseira esconde: técnico de futebol é uma balela, pura enganação.

Dunga e Maradona, desde que foram ungidos para dirigir as seleções de seus respectivos países, sofrem o peso das críticas impiedosas dos entendidos que choram seus ídolos de pés de barro.

Nuncanahistoriadessepaís - para ser bem lulático nessa hora - as carpideiras de luxemburgos, muricys e outros gênios do imaginário futebolístico tinham derramado tantas lágrimas. Esses nelsinhos, tites, leões, cucas, autuoris, geninhos, genéricos e similares que andam por aí, são meros entregadores de camiseta. Ruins de doer. Piores do que Zagallo e Parreira - campeões mundiais. Nem mais nem menos do que Dunga e Maradona.

Antes de começar a sua primeira refeição do dia, ainda pensou, mas não escreveu: - Ah, o que o meu saudoso Galego, o sério e competente Paulo de Souza Lobo não faria aqui nessa Copa!?!

27 de jun de 2010

Aconteça o que acontecer. Seja lá o que Deus e o Presideus quiserem...

Em momento algum se duvidou que a seleção de Dunga pudesse ganhar a Copa Jabulani; em momento algum se terá qualquer dúvida de que esta foi uma das seleções de pior futebol do Brasil; em momento algum se esquecerá que a convocação do Dunga foi uma das maiores injustiças contra o futebol-espetáculo.

Nuncanessepaís foi tão grande o número de craques que ficaram de fora vendo os traques. Em momento algum quem não se chamar Jorginho terá qualquer sombra de dúvida sobre isso. Mas, acima de tudo quanto não resta menor dúvida, só uma dúvida resta quanto a tudo o mais: será uma vitória de Pirro, ou um presente grego?!?

MARADONA & DUNGA
Assim como a seleção de Maradona não é a Argentina, a seleção do Dunga não é o Brasil. Assim é que o Brasil, tanto quanto a Argentina, nunca esteve tão distante de ganhar mais uma Copa. Tanto faz como tanto fez que o campeão do mundo seja um, ou o outro.

ARGENTINA 1 a 3 MÉXICO

QUE RICO - Maradona de terno e gravata só não fica mais esquisito - mira que no es esquesito - do que o Tevez vestido de qualquer jeito.

BRONCA - Maradona, sem mais o que polemizar com o Brasil, reclamou para a imprensa que até agora não entende por que o Dunga só se emociona quando toca o Hino do Brasil nos estádios: - Los himnos de las otras naciónes, ni cantar él canta.

CORNETA - Aí, cutucou um poquinho mais antes que a bola rolasse contra o México: - Nadie acierta tanto cuanto Dunga con sus errores.

AUTORIA - O primeiro gol da Argentina, tocado de cabeça por Tevez de Notre Dame, foi feito pelo juiz.

MUI AMIGO - No segundo, o goleador Higuaín nem precisou de mais uma jogada de Messi, tabelou com o zagueiro mexicano.

BELEZA RARA - O terceiro gol da Argentina contra o México foi lindo. Horrível foi olhar o sorriso do Tevez de Notre Dame.

APOIO - O que seria do Messi em campo, se não fosse o Tevez meter medo nos adversários?!?

GOL LEGAL - Lá pelas tantas, o atacante Hernandez mexicou daqui, mexicou dali e meteu uma azeitona apimentada na empada dos argentinos. O árbitro não pode fazer nada: deu o gol.

CONFIRMAÇÃO - Verón entrou na metade do segundo tempo. Deixou uma certeza na torcida argentina: nada como Riquelme no meio de campo.

O OBSERVADOR - Como diria Jorginho sobre esta rodada no ouvido de Dunga: - Surpresa!... Ganharam os favoritos.

Bola pra Frente!

Sabe aquele jogo Alemanha 2 a 4 Inglaterra e aquele gol do britânico Hurst que não entrou na Copa do Mundo de 1966?!? Pois a Alemanha acaba de se vingar da rainha agora mesmo na África do Sul. A bola do English Team entrou mais de dois palmos e o árbitro fez que não se lembrou do Wembley Stadium e mandou o jogo prosseguir. Afinal, isso foi há 44 anos. Jabulani pra frente que atrás vem gente!

Essa bola da Inglaterra que entrou agora - fora de casa - contra a Alemanha e não foi gol, está para aquela que não entrou em Wembley e valeu, assim como a anistia de quase R$ 5 mil mensais dada para Lula por 31 dias de cadeia está para o aumento que não foi dado aos aposentados que trabalharam mais de 40 anos na vida. Mais cedo ou mais tarde, alguém vai saber que aqui se faz aqui se paga.

No caso da Inglaterra, a Alemanha esperou mais de quatro décadas, mas cobrou com juros: mais que aqueles velhos 4 a 2, fez 4 a 1. E sem prorrogação.

DUNGUICE GERAL

COISA DO DUNGA
O Brasil político hoje tem a plena certeza de que os tucanos chamaram o Dunga para escolher o vice de Zé Serra. Assim como ele só agradou Maradona e desapontou o país inteiro com a convocação do seu selecionado, agora só agradou a Dilma ao indicar Álvaro Dias. Só pode ser mesmo coisa do Dunga.

O QUE ELE FEZ
Para não ter que engolir a possibilidade desse time capenga do Dunga conquistar a Copa Jabulani, o Brasil hoje à tarde vai ter que pagar o vexame e a humilhação de torcer pela vitória da Argentina contra o México. Só a Argentina pode vingar o torcedor brasileiro do que Dunga fez com o país do futebol quando levou essa seleção de pernas-de-pau para a África.

BOA E RUIM
Diretamnente da concentração brasileira em Joanesburgo. Uma boa e outra ruim. A boa: Felipe Melo e Julio Baptista estão lesionados, não vão jogar contra o Chile. A ruim: Elano está recuperado, vai jogar.

26 de jun de 2010

Jabulani neles

Foto/Arq.
Depois de ver o uruguai bater a Coréia do Norte por 2 a 1, ao sair de Porth Elisabeth para Joanesburgo, o Garanhão de Pelotas, conseguiu um exemplar do Jornal do Brasil. No caderno de Variedades deparou estupefato um "selinho" de Sônia Braga em Mauro Mendonça. Deu o jornal para o porteiro, enquanto resmungava: - Isso não é selinho nenhum; é beijinho da terceira dentição.

OLHO FECHADO - Quando o goleiro da Coréia do Norte resolveu abrir o olho, já estava 1 a 0 para o Uruguai. Depois virou goleada: 2 a 1.

FALTOU MATÉRIA - Aquele jogo contra Portugal foi tão ruim que no intervalo as TVs nem se animaram a exibr "os melhores momentos".

AMERICAN DREAM - Contra Gana, Donovan bateu aquele pênalti na trave para o gol ter mais emoção. É da natureza do Capitão América. De qualquer maneira, ao perder na prorrogação, os Estados Unidos  descobriram que nem sempre o sonho vira milagre americano.

TORTURA - Como se não houvesse nada pior do que EUA x Gana, ainda houve uma prorrogação de 30 minutos.

MATAR OU MORRER - Os jogos tem sido tão ruins que, ao invés de mata-mata, serão relembrados como morre-morre.

PIORVENIR - Gana acabou com a garra americana. O pior do futebol ainda está por vir: o próximo jogo é contra o Uruguai. 

COMO ASSIM?!? - Então veio o repórter e deu a notícia: - Felipe Melo e Júlio Baptista estão lesionados, mas Dunga não tem problema para o jogo contra o Chile: Robinho, Kaká e Elano estão recuperados e vão jogar. Como assim, não tem problema?!? O Elano vai jogar, cara!

O Meio de Campo era a cabeça do Dunga

Sem Kaká e sem Robinho deu para ver a diferença na seleção de Dunga nesse jogo por rapadura contra Portugal. O vácuo no meio de campo parecia a cabeça de Dunga cheia de jorginhos. Ronaldinho Gaúcho, Neymar e Ganso foram as ausências mais sentidas.  Agora só falta dizerem que Elano também fez falta. Mais do que no time dentro de campo, falta espaço inteligente na seleção que o Dunga levou para a África. Dunga e seus jorginhos conseguiram endurecer uma Copa mole, mole.

O MELHOR EM CAMPO - O melhor jogador do time de Dunga em campo nesse zero a zero com Portugal foi Cristiano Ronaldo. Seu único erro foi vestir a camiseta portuguesa. Jogou pra nós o tempo todo. Muito mais que Nilmar e Luís Fabiano juntos.

PROTEÇÃO - O goleiro Julio Cesar disse que usa proteção nas costas "por segurança" e para "evitar o pior". E com a frente, ele não se preocupa, não?!? Nem mesmo para "o melhor"?!?

BOATO - A melhor notícia que a famiglia Dunga deu aos jornalistas brasileiros para o mata-mata contra o Chile: Felipe Melo é dúvida. Espera-se que não seja só mais um factóide secreto.
PIOR - Que time ruim aquele da Espanha! Mas os chilenos, grandes fregueses de caderno, tem toda razão, o time que Dunga levou para a África é pior ainda.

A COPA - Argentina, Brasil, Chile, Estados Unidos e México estão classificadas para a fase do mata-mata. Está começando a Copa Mercosul na África do Sul.

ESPECIALISTAS - Em tudo e por tudo, esta é a fase que os africanos mais entendem no país do apartheid: o mata-mata.

25 de jun de 2010

E O PAÍS PAROU... O BRASIL MERECE.

Malandramente
Não é por nada, não... Mas foi engraçado ver a cara "malandramente feliz" do Dunga quando os repórteres descobriram que Robinho não sairia jogando. Agora, a gente já sabe que é pra isso que serve treino secreto: fazer o Dunga sorrir. E o bom é que os jorginhos amestrados também ficam malandramente felizes.

Sem troféu
Ainda bem que a alegria durou pouco. Do contrário Dunga acabaria perdendo até o Troféu Limão que ele vem liderando, com folga, nessa Copa Jabulani.

O mais melhor
Contra Portugal, o mais melhor jogador de meio campo do time de Dunga foi o zagueiro Lúcio.

Pensando bem...
Pensando do jeito que pensa, usando a cabeça do jeito que usa, Felipe Melo deveria jogar no time de Portugal.

Q.I.
Aí, Gilberto dominou a bola sozinho, parou, olhou, pediu calma, pensou e... errou mais um passe. Bem tipo assim Era Dunga.

Defeito de fábrica
Até que enfim entrou em campo a dupla do Wolffsburg, time da Volkswagen - patrocinadora da CBF. Vai abrir vaga lá na fábrica. Os dois entraram travados.

Politizando a jabulani
Dunga aderiu à campanha que Lula inventou para Dilma: - Não use crack.

Segredos de Liquidificador
A vingança dos jornalistas ofendidos por Dunga é ver Jorginho palpitando o tempo todo na orelha dele.

A prova
Não subestimem Dunga: ele escalou Nilmar, Daniel Alves, Júlio Baptista, Josué, Grafite e Ramires, só para provar que Kaká, Robinho e Elano tem que jogar. Acabou sentindo a falta que fazem Ronaldinho, Neymar, Ganso e Pato.

Livrando a cara
Com esse glorioso empate, o time de Dunga terminou em primeiro lugar na chave e se livrou de pegar pela frente Alemanha, Inglaterra e Argentina. Dunga vai ficar de novo "malandramente feliz".

Sono tranquilo
Um cara do temperamento de Dunga não poderia querer outra coisa, num estádio lá em Durban, na África do Sul: a torcida vaiando os dois times. Que consagração. Vai dormir hoje como se fosse um Vicente Feola.

O sentimento
Vendo o time de Dunga e seus jorginhos Jogar o que o torcedor brasileiro mais sente é saudade do Santos.

Exagerado
Dunga, meio Cazuza, na coletiva de ontem: - Se a gente perder, já viu...a metralhadora vai girar... Nem foi preciso, o empate já chega.

O erro
A maior sacanagem de Dunga é que a convocação de Nilmar não foi um erro de escolha, foi de ortografia: era Neymar.

Metidos
Quem nasceu para Josué e Grafite, jamais deveria se meter de Pato a Ganso.

Engraçado
Não é por nada, não... Mas foi engraçado ver a cara "malandamente feliz" dos jornalistas quando Dunga olhava para o banco de reservas e via que Ronaldinho Gaúcho não estava lá.

Virada de Mesa

Minutinho antes de sair para o estádio, o Garanhão de Pelotas passou os olhos pelas páginas políticas de alguns jornais brasileiros que se atrevem a chegar até Durban, na África do Sul.

Chegou à conclusão de que, num país em que os políticos se alimentam e se robustecem com escândalos, a campanha de Zé Serra é uma das mais "pirão sem sal" do cardápio de todas as eleições majoritárias no Brasil. E conjetura:

- Se não convidarem o Roberto Jefferson para vice pra apimentar esse prato-feito, Zé Serra está no papo. Dilma vai ficar ficar gorda.

Esse negócio de Ficha Suja com ele não cola. Se o pessoal da Dilma quiser lhe apresentar esse carteiraço, Bob Jeff puxa um dos seus dossiês, vira a mesa e bota tudo em pratos limpos. No Brasil Da Silva e, em política, tudo pode acontecer. E de onde se espera o pior é justamente dali que sai o pior.

GOVERNOs

Concentrado, em sua suíte presidencial no Endless Horizons Boutique Hotel, em Durban, antes de Portugal x Seleção do Dunga - incapaz de torcer pelo técnico e seus jorginhos amestrados - o Garanhão de Pelotas, dedicou sua porção causídico-criminalística ao exercício da pura filosofia político-partidária e sua relação de causa e efeito com a bandidagem mundial. E foi realmente foi fundo:

- Os partidos políticos são as facções mais perigosas de um país. É o crime oficialmente organizado.

Diante de um governo corrupto - remember Mangabeira Unger - Máfia, Yakuza, Tríade, Russkaya Bratva, Farcs, PCC, Comando Vermelho, não passam de pequenas creches preparando hoje gerações de bandidos que amanhã serão governo.
Os chefes dessas associações criminosas deixaram de comprar políticos e autoridades: compram eleições e cargos nos poderes constituídos. Já não se infiltram mais no governo; são o próprio governo.

E assim pensando, relaxou e gozou. Já está pronto para dirigir-se ao estádio.

Suas secretárias executivas que tratem de consertar a bagunça que ficou no closed depois que ele resolveu paramentar-se devidamente para o jogo contra a esquadra lusitana. 

No Bom Sentido

Nunca é demais repetir: o cão é o melhor amigo do homem. Lula é o homem. Pois agora mesmo, segundo Gilberto Carvalho, um dos seus seguidores de maior fidelidade canina, falando sobre a reação do presideus diante da última pesquisa do Ibope, Lula estava com "um ar malandramente feliz".

Como assim?... O seu chefe é malandro, ou foi só força de expressão?!? É malandro no bom sentido?... Ô seu Gilberto, respeito é bom e Lula gosta. Então vou lhe servir uma ração proveitosa:

Era uma vez... uma sessão de cartas num desses clubes esportivos que, mais do que futebol, jogam pif-paf, pontinho e pôquer. Um forasteiro enorme, desses que aparecem não se sabe bem de onde, ganhava todas as mãos daquela roda de pife de bater com a louca. Parecia que tinha sempre um coringa imaginário na manga.

O Garanhão de Pelotas, figura habitual daquela mesa, perdia todas. Mas, naquela parada saiu bem. Apostou tudo o que tinha. A rodada não deu nem meia volta. O grandalhão bateu de novo. O Garanhão perdeu as estribeiras e, saindo de sua placidez de costume, encarando o batedor com fúria vituperou:

- Seu rabudo, chifrudo... Corno!...
- Epa! Corno, não. Eu sou casado e não admito isso! Repita que eu quero ver - e apontou um 38 para o perdedor inconformado.

O Garanhão não se mexeu. Apenas, com o ar mais sereno e simpático do mundo, dirigiu-se ao mastodonte ameaçador:

- Quiéisso, mermão... Corno, sim. Mas corno... assim ó, no bom sentido!
- Ah bom, se é assim, então tá bem...

Guardou o revólver, pegou as fichas de cima da mesa, tomou o baralho para si e saiu dando as cartas para mais uma rodada.

Então, voltando à vaca fria ô seu Gilberto Carvalho, se é no bom sentido, o "malandramente feliz" está pra lá de bom para descrever a reação do seu querido chefe. Ele sabe do quê você está falando.

24 de jun de 2010

Dunga pede desculpas aos torcedores por palavrões contra a imprensa...

Então, tá. O Garanhão de Pelotas uma vez, no meio de uma pelada, foi expulso de campo. Seu time perdia de 6 a 1, ele deu um lençol em um cabeça-de-bagre que, se jogasse o que pensava, seria campeão do mundo da gabolice. O cara disse uma bobagem qualquer, o Garanhão de cabeça quente, agrediu o enjoado com quem já tinha uma velha pendenga. Foi pra rua. Por justa causa. O bobalhão foi pro vestiário, ver se parava o sangramento do nariz.

Dia seguinte, os organizadores do torneio foram comunicados, por escrito, que envergonhado o Garanhão se afastava definitivamente do campeonato. Foi logo procurado pela turma do deixa-disso. A intenção era dissuadi-lo do afastamento. Envergonhado, o Garanhão se manteve irredutível:

- Estou encabulado. Aquilo não se faz...
- É do futebol - diziam os outros.
- Estou amargamente arrependido.
- Então, volte...
- Não, não volto. Estou arrependido. Sinceramente arrependido...
- Pois então...
- Não volto. Tô arrependido... mas se encontrar aquele imbecil de novo, dou-lhe outro soco no nariz!

Pois, com Dunga é assim mesmo lá na África. Pediu desculpas aos torcedores, não ao repórter a quem ofendeu. Se encontrá-lo novamente, vai repetir a dose. O Garanhão fala de cadeira.

Europa, Laboratório dos Sul-Americanos


Desaponto
Holanda 2 a 1 Camarões. Os camaroneses foram à Copa para não marcar nenhum ponto sequer. Desapontaram.

Janta
Na verdade, essa seleção de Camarões não era um time; era uma janta africana. Tipo assim self service. 

Algo de podre
Dinamarca 1 a 3 Japão. Ruiu o castelo de Kronborg. Havia algo de podre na zaga da Dinamarca.

Retruque
Está bem, terminou 3 a 1 para o Japão, mas deveria ser 3 a 2. Garfaram os dinamarqueses. Aquele gol de pênalti foi de retruque... Vale dois.

Horse Power
Aquele Honda é um cavalo batendo falta. Sabe-se lá quantos cavalos de força tem um Honda numa hora dessas... Assim também não vale.

Treinamento europeu
Essa competição na África só serviu até agora para mostrar que o futebol europeu é um grande laboratório que, durante quatro anos, prepara os jogadores sul-americanos para a Copa do Mundo.


Intervalo Governamental
Aí, na hora da pipoca, pipoqueiam os comerciais da História Oficial... Petrobras, Caixa Federal, OI - tocando o Hino Nacional, Brahma como um grande idéia... Só falta agora o Dunga escalar o Lula no lugar de Kaká. Pode não dar certo no campo, mas vai ser um golaço na urna.

Deu pra notar
O time do Japão voltou do intervalo com muito mais fôlego do que no primeiro tempo. Olheiros da Fifa desconfiam que o técnico fez 11 substituições no vestiário.

Itália aborta o penta e sai de jabulani murcha

Jabulani murcha
A itália saiu com a jabulani murcha embaixo do braço. Deixou essa Copa na África e nem sabe direito se perdeu de 3 a 2 para a Eslováquia ou para a Axila. A Itália, como a Espanha, tem um ótimo campeonato internacional e uma medíocre seleção nacional. Sem os estrangeiros, não passa de um reles arremedo do selecionado de Dunga sem Ronaldinho, Neymar, Pato e Ganso.

Revolução de Veludo
Não é nada, não é nada, a Itália perdeu para a metade da Tcheco/slováquia. Levou uma bratslavada da turma da República que não que não era muito chegada à Tcheca. Esse fracasso foi graças ao gosto que os eslovaquianos pegaram por sua "revolução de veludo". O placar de 3 a 2 foi assim como um tapa sem luva. Não é nada, não é nada, a Itália perdeu para uma equipe que era só 50% da Tchecoslováquia. Justamente a parte que podia escalar jogadores eslovacos, húngaros, poloneses, romenos e ucranianos. E logo aquela metade que sabia jogar futebol.

Abortaram o Penta
Não dá para torcer pelo time de Dunga. Torcer pelo Brasil é outra coisa. O aborto da Itália, afastou o fantasma do penta deles uma vez mais. Fica para 2014, no Rio de Janeiro. Mas aí nem vai ser Copa do Mundo; é a Copa da Cartolagem. De qualquer forma, por enquanto, ah que delícia de aborto!

Nada a perder
Contra Portugal, Dunga só tem a ganhar: 1) Se perder é jogo por rapadura, "melhor perder agora, já classificado, do que no mata-mata" - dirá o padroeiro de Jorginho; 2) se ganhar esfregará na cara dos repórteres mais um de seus desabafos: "taí ó, fizemos mais que a obrigação. Falem agora, falem"; se empatar, será simpático e cordial como só ele e, à moda Lula - aquele se chama de Dilma botará a culpa nos outros: "vocês só fazem gol no papel; porque não entraram lá e não acabaram com o jogo?!?". E assim, carregando esse fardo, lá vai a Seleção de Dunga, vivinha da Silva, para matar o seu primeiro leão nessa Copa da África.

Mapa da mina
Se o time de Dunga & Seus Jorginhos ganhar de Portugal, a Costa do Marfim pode tocar uma goleada de 8 a 0 na Coréia do Norte. Basta seus atacantes descobrirem a mina do rei Salomão: o goleiro deles joga com os olhos fechadinhos, fechadinhos... Um detalhe de somenos que os dungosos não perceberam na estréia da Copa.

Paraguai Legítimo
O Paraguai e Nova Zelândia saíram de campo do mesmo jeito que entraram. Zero a zero. Dessa vez o Paraguai não deixou nem falsa impressão. Ficou em primeiro lugar no seu grupo. Agora vai para o tudo ou nada contra a Dinamarca ou o Japão. Sua pretensão de vitória é legítima.

Hosana! Aleluia!

Hosana! Aleluia!
Epa, Aleluia, não. Ele ainda pode ser escolhido para vice de Serra... Então, Hosana, Hosana! Exultai, ó crédulos das pesquisas! A dupla CNI/Ibope mostra, até que enfim, Dilma na frente de Serra: 40 x 35. Placar de basquete no país do futebol.

Zero por Cento
A mesma indagação popular revela que Marina tem 9% das melhores intenções e que, juntando tudo no mesmo saco de gatos, brancos, nulos e indecisos são todos pardos e chegam a 16% do que há de melhor nessa eleição. Assim é que os eleitores indignados representam zero por cento da população brasileira que nunca na história dessepaiz foi tão amorfa e desenxabida.

Tanto temiam...
Para quem acredita em pesquisa eleitoral no Brasil, essa última aí do Ibope mostra que está acontecendo o que os tucanos e demos mais temiam: Lula está conseguindo transferir simpatia para o seu poste preferido.

Arrependido
De qualquer forma, mesmo considerando-se que Dilma não é nenhuma Brastemp e que o Ibope não é nenhuma Embrapa, há que se levar em conta que ultrapassar Serra nem precisa tanto fôlego assim. Só aquele jeito de cansado dele é a cara de quem já se arrependeu de sair da cadeira de governador para escalar o Palácio.

Bem feito!
Dunga quebrou a cabeça o tempo todo para chegar à conclusão que deve entrar contra Portugal com Daniel Alves e Julio Batista no lugar de Kaká e aquele fulano, o Elano. Bem feito! Se tivesse convocado o Ronaldinho Gaúcho ele jogaria pelos dois.

Telexpectativa
Os telespectadores mal podem esperar pela vitória contra Portugal nesta sexta-feira. É só o que Dunga e seus jorginhos precisam para encher os repórteres de desaforo.

Pornochanchada
Dunga inventou a coletiva pornochanchada. Suas entrevistas estão liberadas para depois de meia-noite.

Pesquisas
Enquanto isso, a Embrapa inventou a abóbora "brasileirinha". Ela não tem outra por dentro, mas pelo lado de fora nasce verde-amarela. É a jabulani das hortaliças. De qualquer maneira, pesquisa, pesquisa mesmo, só as que são feitas pela Embrapa.

23 de jun de 2010

Alemanha 1 a 0 Gana - Grande Vitória Brasileira


O Garanhão de Pelotas já está em Durban. E lá, de sua suíte no Endless Horizons Boutique Hotel, seguiu lance por lance o jogo Gana x Alemanha. Que grande vitória brasileira! Simon, o árbitro gaúcho - que nem por isso deixou de nascer no Brasil - passou incólume pelo cruciante 1 a 0 dos tedescos sobre os ganosos. Classificou-se para as oitavas de final da Copa Jabulani. Você não perde por esperar.

Ora direis, ouvir Dungas...

O Garanhão de Pelotas ouviu atentamente, tudo que Dunga disse para o jornalista Alex Escobar, da Rede Globo. Saiu com os ouvidos cheios de impropérios e daquilo em que se transforma amanhã tudo o que um Dunga come hoje quando abre a boca.

O que Dunga e seus jorginhos dizem não merece atenção, nem respeito. Pior, no entanto, foi o que ele fez com a seleção dos brasileiros. Tornou difícil uma Copa que seria uma barbada. E
você enguliu tudo.

Anão de Jardim & Outros Jabulanis

PARA O JARDIM
Ao término dessa Copa Jabulani lá na África do Sul, o Garanhão de Pelotas vai comprar o Maradona, cofiar-lhe os pelos, embrulhá-lo para presente e levá-lo de brinde para o vizinho da mansão ao lado de sua residência, o Palácio Garanhuns, em algum recanto bucólico do mundo.

Trata-se do amigo mais brega das relações do Garanhão. O tal vizinho é apaixonado pela coleção completa da Branca de Neve e os Sete Anões que ornamentam o seu jardim. Outro dia, telefonou desesperado para a África, comunicando o súbito e misterioso desaparecimento de Dunga. Solicito, o Garanhão de Pelotas já lhe prometeu o substituto.

ÚLTIMO A SABER
Aquele treinador da França, o Domenech que tem cara de ressaca de conhaque, deve ter obedecido o atacante Anelka que, depois de chamá-lo de filho disso e daquilo e chifrudo, ainda o mandou tomar onde as galinhas tomam e ir pra planfa que o lamblanfa. Só por isso ficou de mau humor. Conseguiu ser tão mal educado e grosseiro quanto Dunga e seus jorginhos amestrados conseguem ser nas coletivas com a imprensa.

Ao final do jogo África 2 a 1 França, Domenech recusou os cumprimentos de Parreira, assim como se ele fizesse jus à atenção dispensada. O que ele mereceu mesmo foi tudo que o Anelka lhe disse e mandou fazer. É por esse tipo de isolamento social que um Domenech desses é sempre o último a saber.

AS EXEMPLARES
Eurides Brito - A Embolsadora foi cassada. É a versão Matilde Ribeiro da Câmara Distrital de Brasília. Assim como no governo Lula, Matilde dançou e os outros todos continuaram comprando tapioca no bar da esquina, Eurides foi desembolsada para os outros todos continuarem comprando panetone no Distrito Federal. Não que as exemplares Eurides e Matildes dessa vida não mereçam, mas é pouco... Muito pouco para o que sobrou.

NEM AÍ
O Nordeste brasileiro se desmancha em aguaceiro. Há dezenas de dezenas de mortos, centenas de centenas de desaparecidos, milhares de desabrigados, mas Lula - Dilma para os eleitores mais íntimos - foi inaugurar um terreno baldio lá no estado do Pará.

A MALDIÇÃO DA MÃO
Nas eliminatórias Thierry Henry classificou a França para a Copa metendo a mão na bola: vejam só o que aconteceu com a França na África; no tempo que as bichas falavam, Maradona fez um gol na Inglaterra com a "la mano de Dios": olhem só o que aconteceu com ele na vida; Luís Fabiano usou a mão em dose dupla para liquidar a Costa do Marfim... Sabe-se lá o que vai ser da seleção do Dunga.

AJUDA ELEITORAL
Esse pessoal que manda a Dilma do Lula dizer nos palanques que "a gente sabe fazer" vai ter que explicar porque, depois das tragédias que repartiram o Brasil em vários Haitís, aplicou apenas 14% dos recursos destinados à prevenção neste ano. Vai ver que gosta de mostrar serviço e enviar "ajuda humanieleitoral" na hora da desgraça. Quanto mais próxima das eleições, melhor a tragédia.

NOME PRÓPRIO
Se Dilma assumisse a sua porção masculina e jogasse futebol, seu nome mais próprio nessa Copa Jabulani, lá na África do Sul seria... Palermo.

21 de jun de 2010

Torcedores furiosos

Ufa! A Espanha tocou 2 a 0 em Honduras - um time que só não escalou para essa Copa o Manuel Zelaya. É como diz o correspondente esportivo internacional, Garanhão de Pelotas: - O campeonato da Espanha é um dos melhores do mundo; o futebol espanhol é um dos piores.


Foto: El Heraldo/Tegucigalpa
Você pode até nem acreditar, mas esse pessoal aí foi à Africa do Sul torcer para a Seleção de Honduras.

Copa Franca

Fotos: Arq.Implacáveis/SMacedo
Clima tridimensional para o jogo da Seleção de Dunga contra a poderosa Costa do Marfim, que sabe tudo de bola de elefante. Tudo pronto para o segundo passeio nacional na Copa Jabulani.

A família Azambuja - anfitriã da segunda Copa Franca da Sacra Confraria das Quintas-Feiras.

O bissexto confrade Narighetta perdeu a fase noturna da festa: tentou de todas as formas convencer Pelé a não responder para Maradona.

A galera feminina, na pérgula da piscina oficial da Copa Confraria, encarregou-se de colocar tudo em pratos limpos, antes que o jogo começasse.

Tio Zamba cuidou de tudo que tinha algo a ver com a Copa e... a cozinha. Os assadores manipularam o churrasco também em terceira dimensão. Vide a churrasqueira em rack lá no fundo. Carnes vermelhas, saladas, champanhes brancas e rosés, vinhos e cervejas, uísques e vinhos, todos de idioma estrangeiro... A Copa estava ganha por antecipação.

A galera masculina adiantou-se e foi com apetite ao "aquecimento" antes do jogo.

Os 3 Mosqueteiros. Dias, Zamba e Pontes. D'Artagnan, na pele do photographer Xará Macedo estava atrás da lente.


Quando Toninho Pontes e Narighetta, fartos de verem gols dos dungosos, partiram antes do tempo, o astuto Xará Macedo descobriu a Zamba's Adega e deu início à grande aventura "The Land of Wine".

Degustar uma trinca assim, não é tarefa para amadores. Clique na foto e leia os rótulos... Foi só o começo. Outras tantas desceram dos escaninhos da adega de reservas especiais.
D'Artagnan tomou o lugar de Toninho Pontes e juntou-se a Dias Porthos e Zamba Aramis. Por essas taças passaram rapidamente, pelo menos, um exemplar de Raza - Edicão Limitada - Malbec - 2003 (Argentino); um Nerola Syrah, 2004 - Miguel Torres Especial; um francês Chateauneuf de Pape, 2007; e um D.V. Catena, Cabernet Malbec, 2004 que respondia em argentino.
Foi então que dona Tânia fechou a noite-madrugada com chave de ouro: um inimitável caldo-verde. Sabe-se lá pra quê!?!

RODAPÉ
Lá na África, o Garanhão de Pelotas ficou sabendo de tudo. E de tudo tirou uma verdade indesmentível: - Como essa confraria gosta de participar uma Copa... Inclusive de futebol.

Luís Fabiano e Cristiano Ronaldo acabam com a greve de fome

Portugal humilha Dunga e seus jorginhos com uma goleada de 7 a 0 na Coréia do Norte que, além de perder apertado ainda fez um gol nos brasileiros.

Cristiano Ronaldo que não marcava há oito jogos quis imitar o Luís Fabiano e, ao invés de usar as mãos, quase se desnucou para quebrar o jejum. Agora, os dois estão prontos para não fazer gols na próxima sexta-feira: acabou a greve de fome de gols.