14 de nov de 2010

Bola Fora

COBERTURA
Inda que mal pergunte: essa cobertura que o governo deu ao rombo no fundo do baú do Banco PanAmericano do Silvio Santos, é a mesma que o governo Lula deu ao rombo dos Jogos PanAmericanos de Carlos Nuzmann, no Rio de Janeiro?!?

LANCE ERÓTICO
Zagueiro brasileiro não vai na jogada; vai nas bolas!

O CORTE
De repente, o pequeno corte no lábio deixou na cara do zagueiro tricolor a nítida impressão de que ele sofrera uma cesariana. Para supresa da torcida, o filho não nasceu. Ah sim, o jogo foi Fluminense 1 x1 Goiás.

O PALCO
O Brasileirão é o palco iluminado para os gols de atacantes trambolhos - Ronaldão, Loco Abreu, Rafael Moura... Todo mundo fez gol nessa rodada. Só o Washington continua sendo apenas a velha capital dos Estados Unidos.

RUINDADE
Virou moda no futebol brasileiro bater mal os penaltis. Chutar no peito do goleiro é lei. Conca bateu no meio, por baixo do corpo do arqueiro do Goiás. Comemorou como se fosse um gol de placa.

MAU CAMINHO
Com a mesma facilidade que saiu de Barueri e foi para Presidente Prudente, o Gremio saiu da 1ª Divisão e foi para a Segundona. Bem feito! Futebol não pode ter dono.

QUE TIME É TEU?
Aquele time estranho que jogou, em São Januário, contra o São Paulo, estava todo faceiro com aquele uniforme de cruz enorme no peito. Bem que o Vasco da Gama poderia usar aquela camiseta de vez em quando...

OS CRUZADOS
O presidente do time que joga com uma cruz daquele tamanho no peito, deve ser o Ricardo Coração de Leão. E o técnico só pode ser o Rei Arthur.

FORA DE MODA
O Richarlysson, do São Paulo,  precisa avisar urgente àquele Carlinhos Paraíba de cabelo com rabo-de-cavalo que nem mulher está usando mais aquele tipo de penteado.