9 de set de 2010

Dialeto do Arco da Velha

01. Fabinho Terra Leite, diante da cena exagerada do parceiro de tênis lá no Dunas Clube: - Pára, já táis fazendo fita!
02. Quando menino, Farid Nader vivia fazendo arteirice. Levava cada buléu... 
03. O Carlos Alberto Schild é do tempo em que se ia de faito para o Laranjal.
04. Igor Gervini adorava aqueles beijo-de-moça da Khautz.
05. No balcão do Aquário, o Nanico Real só toma café pelando.
06. Esse time do Grêmio é ovo, não joga nada.
07. O Beto Alan, segredou para o Burrêgo, ali nas vitrines das Casas Americanas: - Ela tá pesada, vai ter filho em novembro.
08. Quando era mandinho, o Roberto Penteado tomava leite no tambo da Barroso.
09. Celso Haical, vendo os trejeitos de um caminhante eventual ali no calçadão da Sete: - É muito delicado... Pra mim, ele é coquinho.
10. O sonho de Flávio Pinho é visitar uma Fenadoce que tenha Broínhas de Alice, Pastéis de Santa Clara e Fatias de Braga.