19 de mai de 2010

O Garanhão e a "Paradinha" do Pênalti

Em suas delirantes viagens pelo mundo afora, o Garanhão de Pelotas estava nesta segunda-feira em Zurique, ao sopé dos Alpes, quando soube que a Fifa tinha acabado com a paradinha nas cobranças de penaltis. Deixou de lado a loura gelada que lhe fazia bem e foi até à sede do futebol mundial.

Depois de um rápido papo com Joseph Blatter, mandachuva que pegou o lugar do vetust e eterno nadador João Havelange, foi encaminhado para o Bureau da Copa do Mundo. Não gostou da conversa com os cartolas que não deram nenhuma atenção ao passado futebolístico do nosso craque.

Ao perceber que não manifestaram o mínimo interesse por sua trajetória pelos times do Brasil, Farroupilha, Pelotas e até do Bancário F.C. nos gramados gloriosos da campeoníssima Princesa do Sul, o Garanhão de Pelotas lhes deu as costas (epa!) e, com odiento desprezo, lhes deixou um bilhete de profundo e explícito conhecimento de quem é do ramo:

Se o cobrador não pode burlar o goleiro na hora da cobrança, então o goleiro também não pode fingir que vai para um canto e se jogar para o outro. Se não pode haver engodo no futebol, então acabem também com drible!

O Garanhão de Pelotas
Tricampeão Juvenil pelo Farroupilha.
Goleador de todos os tempos do Paulista F.C.
Artilheiro de todos os treinos do Estrela, do Seu Nelinho
Autor do Gol do Milênio na Charqueada São João